Cidade da Praia, 18 Mar (Inforpress) – A rede de homens pelo fim da violência baseada no género – Laço Branco de Cabo Verde (LBCV) - quer reforçar a sua capacidade institucional através das eleições dos novos órgãos sociais e adopção de mecanismos de planificação actualizados.

Para tal, a organização, que teve a sua assembleia constituinte em Setembro de 2010, vai realizar no Dia do Pai, 19 de Março, na Cidade da Praia, a sua 2ª Assembleia Geral, em linha com os seus objectivos e estatutos, segundo o secretário-geral, Paulino Moniz, em declarações à Inforpress.

O evento que vai servir para a renovação dos órgãos sociais,seis anos depois, com a finalidade de reforçar a capacidade institucional da rede eadoptar “mecanismos de planificação actualizados” pretende, também, “proporcionar um momento de reflexão sobre o futuro da associação”.

Para além de seus membros, a associação vai reunir na 2ª Assembleia Geral, os seus principais parceiros, já que será uma ocasião para definir uma nova direcção da rede e lançar um novo ciclo de programação estratégica para a associação, tendo em conta o novo plano de género no país, assim como o novo Plano de Combate à VBG, em vigor desde 2015.

Paulino Moniz frisou, ainda, que o evento pretende “repor a legalidade” aos órgãos electivos do LBCV e “recuperar a confiança” das entidades parceiras, assim como “revitalizar” a organização, através de inscrição de novos membros, com vista a mobilizar sinergias para levar a mensagem rede a todo o território nacional.

Segundo responsável, o LBCV começou por ocasião de um seminário de treinamento e planificação promovido pelo Instituto Cabo-verdiano para a Igualdade e Equidade do Género (ICIEG), dirigido a cerca de 25 homens “motivados e sensibilizados” para questões de género.

O seminário, conforme o secretário-geral, permitiu aos participantes identificar desafios e oportunidades para o engajamento de homens e meninos nessa luta e definir prioridades de acção para o futuro, sendo que Rede Laço Branco de Cabo Verde é a primeira abordagem sistemática para envolver homens e rapazes no combate à violência baseada no género no país e criar oportunidades para as mulheres que querem fazer a diferença no género.

“É um grupo que se caracteriza pelo forte engajamento na promoção da igualdade de género, pelo que fomenta alianças com outras instituições/organizações da sociedade civil que se posicionam a favor dos direitos humanos e contra a desigualdade de género em todas suas formas de manifestações, especialmente a violência baseada no género (VBG)”, esclareceu.

Desta forma, a associação tem entre os seus principais objectivos, o apoio às políticas e iniciativas que fomentem a equidade de género na família, na saúde, na justiça, na educação, na política, na economia e na comunicação social, a sensibilização, o engajamento dos homens em Cabo Verde e da sociedade civil no combate à violência baseada no género e a todas as formas de desequilíbrio de género, e na “desconstrução duma visão distorcida de masculinidade”.

O evento, que conta com a parceria técnica e financeira da ONU Mulheres, terá lugar na Sala Beijing do Palácio da Presidência da República, terá a abertura presidida pelo Presidente da República, Jorge Carlos Fonseca, pelas 10:30, e o encerramento pelo primeiro-ministro, Ulisses Correia e Silva, para além de contar com as presenças de personalidades nacionais e da cooperação internacional.

A coordenadora residente das Nações Unidas, Ulrika Richardson, a presidente o ICIEG, Rosana Almeida, a presidente da Comissão Nacional para os Direitos Humanos e Cidadania (CNDHC), Zaida Freitas, o presidente da Câmara Municipal da Praia, Óscar Santos, e a responsável pela a ONU Mulheres, Vanilde Furtados, marcarão presença no encontro.

DR

Inforpress/Fim

estatuto

Assinaturas Inforpress

paywall4

01Notícias Relevantes Fique sempre informado sobre os principais acontecimentos de Cabo Verde e do Mundo.

02Informação de Qualidade Produzimos informação com independência, rigor e qualidade.

03Diversidade de Cobertura Pomos à disposição do público informação actualizada sobre os mais variados aspectos.